sexta-feira, 30 de novembro de 2018

POLÍCIA NA RUA!! OPERAÇÃO POLICIAL COMBATE O TRÁFICO DE DROGAS NA REGIÃO OESTE DO PARÁ

Várias prisões ocorreram nesta manhã em pelo menos 12 cidades da região do Baixo Amazonas

Uma megaoperação policial está em curso nesta sexta-feira (30) em pelo menos 12 municípios da região Oeste do Pará. A ação ocorre simultaneamente em todo o território paraense. No Baixo Amazonas, a operação Hades II ocorre no âmbito da 12ª Região Integrada De Segurança Pública (12ªRISP), que abrange Santarém, Almeirim, Alenquer, Belterra, Curuá, Juruti, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Prainha, Santarém e terra Santa. Várias pessoas já foram presas e muita droga também foi apreendida.

Polícia apreende droga e dinheiro em poder de traficantes

A Operação Hades II, cujo principal alvo é o combate ao tráfico de droga, conta com a participação de 140 Policiais Civis e Militares, que cumprem mandados de busca e prisão em 29 endereços de pessoas ligadas às ações criminosas do tráfico de drogas e aos crimes relacionados, em dez municípios do Oeste Paraense. A Operação Hades II, sob a coordenação do DPC Nelson Nascimento, ocorre de forma integrada com a Polícia Militar, sob a coordenação do Coronel Heldson Tomaso, Comandante do CPRI, com integração de todo Efetivo da 12ªRISP, fruto de investigações que fundamentaram decisões Judiciais para esta ação de enfrentamento ao Tráfico de drogas ilícitas em nosso Estado.

A operação continua com muitas prisões e apreensões de material entorpecente 

Nesta manhã ocorreram prisões e apreensões nos municípios de Santarém, Juruti e Oriximiná.

Operação Águia - A Polícia Civil de Oriximiná em parceria com o Núcleo de Apoio à Investigação – NAI/BMA- Santarém, desencadeou na manhã de hoje, a operação “Águia”, que objetiva combater o tráfico de drogas, bem como homicídios e roubos ligados ao estupefaciente. Estão sendo cumpridos 26 (vinte e seis) mandados, sendo 15 mandados de prisão e 11 de busca e apreensão, nas comarcas de Oriximiná (Pará) e Manaus (Amazonas). A operação contou ainda com apoio de Policiais Civis da Delegacia de Óbidos, Superintendência da Polícia Civil do Baixo Amazonas, 12ª Companhia Integrada de Polícia Militar de Fronteira em Oriximiná. Ao todo, 45 policiais civis e militares estão em atuação na operação para dar cumprimento aos mandados judiciais. A ação policial conta ainda com apoio da Polícia Civil do Amazonas e agentes do SEAP (Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Amazonas).

Operação é realizada de forma conjunta e envolve policiais civis e militares 

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

POPULAÇÃO LOTA CÂMARA DE VEREADORES PARA ACOMPANHAR AUDIÊNCIA SOBRE A CELPA EM SANTARÉM

População lotou a sede do Poder Legislativo para acompanhar audiência que tratou sobre o serviço de energia elétrica
 
Impressionou a quantidade de pessoas presentes na audiência pública realizada na tarde desta quinta-feira (29), pela Câmara de Vereadores de Santarém, no oeste do Pará. O Palácio Tapajós ficou tomado pelo povo, que foi acompanhar de perto as explicações dos representantes da Celpa, sobre os altos valores nas contas de luz dos consumidores santarenos e, sobretudo o péssimo serviço no fornecimento de energia dos paraenses. Pessoas de todas as classes sociais do município compareceram à sede do Poder Legislativo. Lideranças comunitárias, representantes de movimentos sociais, empresários, comerciantes, profissionais liberais e autônomos. Todos consumidores insatisfeitos com a empresa concessionária de energia elétrica. A Celpa é recordista de reclamações no órgão de defesa do consumidor. E o motivo é sempre o mesmo: cobranças exorbitantes. 

A doméstica Eudimara Simões é uma das centenas de pessoas que lotou a galeria da Câmara e que não escondeu sua indignação contra a empresa. Ela engrossava o coro de ‘Fora, Celpa!’, que ecoou durante quase toda a audiência pública. A consumidora exibia faturas de energia dos últimos três meses. Neste período, a conta dela saltou de R$ 270 para quase R$ 400! “Eu sou assalariada, o que eu ganho não é suficiente para sustentar a minha família. Boa parte do meu salário vai para o gasto com a energia. A gente não pode viver no escuro, né?”, disse a doméstica, que mora no bairro Esperança, com três filhos. Ela é recém-divorciada. 

O comerciante Mauro Souza, do bairro Jardim Santarém, também acompanhou a audiência pública. Ele buscava entender o motivo pelo qual sua conta de luz também vem sofrendo constantes reajustes nos últimos meses. Ele teve que fechar o pequeno comércio por causa da energia. “Você trabalha apenas para pagar impostos, empregados e agora a energia elétrica. Não sobra dinheiro para ampliar o negócio, para investir em melhorias”, desabafou. 

Durante a audiência pública, o vereador Henderson Pinto (MDB), que conduzia a Mesa Diretora, junto com Mano Dadai, franqueou a palavra para quem quisesse se pronunciar dentro do tempo estabelecido pelas regras da Casa. Representantes do Movimento Fora Celpa usaram a tribuna da Câmara para justificar os protestos contra a empresa. Várias pessoas se pronunciaram e as queixas eram sempre as mesmas: preço alto e péssimo serviço. 

O representante da Celpa, Marcelo Fernandes, avaliou que a audiência foi muito produtiva e serviu para que empresa esclarecesse alguns pontos conflitantes. 

Ele explicou que quem define o valor da tarifa de energia de todas as concessionárias do país não é a Celpa e sim a Agência Nacional de Energia Elétrica, portanto, qualquer empresa que atue no Estado terá a mesma tarifa. Muitos valores embutidos na conta de energia não ficam com a Celpa, como impostos, encargos setoriais, contribuição de iluminação pública, custos com compra e transporte de energia. Tudo isso representa cerca de 80% de tudo que o consumidor paga na conta de energia. Além disso, a taxa iluminação pública é de responsabilidade da Prefeitura e, portanto, cabe ao poder público a prestação de contas dos valores arrecadados. 

Ao final, todos os vereadores assinaram um documento contendo as principais demandas apresentadas pela população durante a audiência. Este documento será encaminhado a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

JK

CONFIRMADA DATA DA PRIMEIRA FINAL DA SEGUNDINHA. SERÁ DOMINGO NO ESTÁDIO COLOSSO DO TAPAJÓS

Time do São Francisco se prepara para voltar à elite do futebol paraense e espera conquistar Segundinha

Os jogos da decisão do Campeonato Paraense da Segunda Divisão já têm data marcada: as partidas serão realizadas nos dias 2 e 5 de dezembro, anunciou nesta quinta-feira (29), o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD/PA). Portanto, São Francisco e Tapajós se enfrentam já no próximo domingo, às 18 horas. O segundo jogo será na próxima quarta-feira, às 20 horas.

A final da Segundinha foi ameaçada em função de denúncias feitas pela Desportiva Paraense e Tuna Luso sobre irregularidades de Paraense e Tapajós, respectivamente.

Relembre
Na sexta-feira (23), a FPF recebeu uma determinação do Procurador Geral do TJD, Daniel Paes Ribeiro, para a suspensão dos jogos finais para apreciação e julgamento das notícias de infração da Desportiva Paraense e da Tuna. A entidade acatou a ordem.

Na segunda-feira o presidente do TJD, Carlos Lobato, confirmou o julgamento das denúncias da Desportiva na quarta-feira (28) e da Tuna Luso, sexta-feira (30). Ambas, a partir das 16h30.

A Desportiva Paraense foi eliminada nas quartas de final, acusa o Paraense de inscrição irregular de cinco jogadores após a primeira partida na Segundinha. O clube de Marituba teria inscrito 15 atletas, quando o regulamento só permite a inscrição de mais dez após a estreia.

Já a Tuna, eliminada pelo Tapajós, alega que o Boto inscreveu irregularmente o zagueiro Thiago Costa – ele seria a 11ª inscrição do clube, extrapolando o limite determinado pelo regulamento.

Boto também quer terminar o ano com a conquista da Segunda Divisão


OPORTUNIDADE DE EMPREGO!! PREFEITURA DE BELTERRA ABRE SELEÇÃO COM QUASE 300 VAGAS NA ÁREA DA EDUCAÇÃO


As vagas são destinadas para candidatos com ensino médio e superior 

A Prefeitura Municipal de Belterra, no oeste do Pará, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto (Semed), está com processo seletivo aberto a fim de preencher 285 vagas temporárias. As chances são para candidatos de níveis médio e superior. Do total de vagas, 95 são para contratação imediata e 190 para formação de cadastro reserva.

O certame está disponibilizando vagas para as funções de professor de atendimento educacional especializado, professor de educação infantil, professor de anos iniciais e professor nas especialidades de educação física, história, geografia, matemática, língua portuguesa, ciências e língua materna indígena.

Os interessados ao cargo de professor de língua materna indígena devem possuir nível médio e curso de idioma Munduruku ou declaração expedida pela Funai, informando que o candidato domina a língua.

Os candidatos devem se inscrever presencialmente, até o dia 10 de dezembro de 2018, na Semed. Os interessados devem se apresentar na Vila Americana, nº 253, Bairro Centro, com horário de atendimento das 9h às 14h.

O processo seletivo será composto por uma única etapa, referente à análise de títulos (de caráter classificatório).

Blog do JK

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

SEGUNDINHA: TJD INDEFERIU RECURSO DA DESPORTIVA CONTRA O PARAENSE


Decisão do TJD dá ânimo para clubes santarenos que vão disputar final da Segunda Divisão do Paraense

Depois de notícias nada animadoras, os clubes do São Francisco e Tapajós finalmente tiveram motivos para sorrir nesta quarta-feira (28). A decisão da segunda comissão disciplinar do Tribuna de Justiça Desportiva (TJD), que indeferiu o recurso da Desportiva Paraense contra o Paraense alegrou os dirigentes de Leão e Boto, finalistas por mérito, em campo, da Segunda Divisão do Campeonato Paraense. Ambos conquistaram ainda o acesso à elite do futebol paraense do ano que vem. Mas desde a semana passada, que o próprio TJD jogou um balde de água fria nos times que aguardam com ansiedade pela decisão do título da Segundinha.

O clube de Marituba tentou, através de uma noticia de infração, recuperar os pontos perdidos em campo para o Paraense, sob a alegação de que o adversário estava com jogadores irregulares no campeonato.

São Francisco e Tapajós aguardam agora o resultado do recurso da Tuna contra o zagueiro Thiago Costa, do Tapajós. Na versão dos lusos, o defensor está irregular na Segundinha.

Os cartolas da Desportiva disseram que vão recorrer ao Pleno do Tribuna. O advogado Bruno Castro defende a SD no caso. Pelo Paraense atuou o advogado André Cavalcante, que voltará à tribuna do TJD nesta sexta-feira, 30, para defender o Boto.

Blog do JK

EMPOSSADA NA NOITE DE ONTEM A COMISSÃO PROVISÓRIA DO PSL EM SANTARÉM. PARTIDO DO PRESIDENTE BOLSONARO VAI TER CANDIDATO PARA DISPUTAR A PREFEITURA DE SANTARÉM NAS ELEIÇÕES DE 2020

Diretório do PSL em Santarém

A solenidade de posse dos membros da Comissão Provisória do Partido Social Liberal (PSL), em Santarém, ocorreu na noite de ontem (27), no hotel Açaí. O evento reuniu correligionários, simpatizantes e convidados. O PSL é o partido do presidente eleito Jair Bolsonaro. No município, Márcio Antonio Cezarotto, Marcus Vinicius Fernandes Kist, Jackson Douglas Santana Ferreira, Cláudia Simone Oliveira Lins, Wágner Morgan Lopes, Eloio Gasparin e Kariane Rodrigues de Aguiar serão os responsáveis pela legenda que terá, entre os principais desafios, fortalecer o partido em Santarém e região, com foco para as eleições municipais de 2020. 

Durante a posse dos dirigentes do PSL, novos membros foram filiados. 

O partido será presidido no município pelo empresário Márcio Cesarotto, que terá como vice-presidente Marcus Kist, que foi candidato a deputado estadual na eleição passada. O presidente do partido informou que a proposta do PSL é aumentar o número de filiados e se colocar como uma opção para as eleições municipais. 

Nas eleições deste ano, o então candidato Jair Bolsonaro obteve nas urnas 76.120 votos em Santarém, terceiro maior colégio eleitoral do Pará. Além de Santarém, o PSL venceu em Belém, Castanhal, Parauapebas e Marabá.

Comissão Provisória do PSL em Santarém:

Presidente: Márcio Antônio Cezarotto
Vice-presidente: Marcus Vinicius Fernandes Kist
Secretário Geral: Jackson Douglas Santana Ferreira
Tesoureira: Cláudia Simone de Oliveira Lins
Primeiro secretário: Wagner Morgan Lopes
Vogal: Eloi Gasparin
Primeira secretária: Kariane Rodrigues de Aguiar

JK

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO PARÁ, APROVA SESSÃO ESPECIAL PARA TRATAR DO PÉSSIMO SERVIÇO DA CELPA NO ESTADO. O REQUERIMENTO APROVADO POR UNANIMIDADE FOI FEITO PELO DEPUTADO JÚNIOR FERRARI

Deputado Junior Ferrari teve seu requerimento aprovado por unanimidade ontem na Assembléia Legislativa.

A Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), aprovou, ontem (27), requerimento de autoria do deputado estadual Júnior Ferrari (PSD), para a realização de uma sessão especial para tratar dos serviços prestados à população paraense pela Celpa. Nos últimos dias, avolumaram-se queixas e reclamações, além de protestos em todo o Estado, contra a concessionária de energia elétrica. O motivo das manifestações populares é a baixa qualidade desse serviço e os valores exorbitantes pagos pelo consumidor paraense. A Mesa Diretora da Casa deve marcar a data da sessão nos próximos dias. A empresa Equatorial Energia será convocada a comparecer em plenário para dar explicações aos deputados e, sobretudo, à população, que é quem mais está sofrendo com essa situação da energia no Pará. 

Em seu requerimento, o deputado Júnior Ferrari ressaltou que é dever de todas as autoridades constituídas pela sociedade, assegurar a sua população condições de vida digna, permitindo o devido fornecimento de energia elétrica, por ser um serviço básico nas vidas das pessoas e de sustento dos moradores.

Ele lembrou ainda que nos últimos dias vem ocorrendo inúmeros protestos e reivindicações em vários municípios paraenses, inclusive em Belém, como em Santarém, Óbidos, Juruti, Oriximiná e Terra Santa, sendo que em todas as regiões do Pará a insatisfação contra a empresa é generalizada, concretizando uma indignação geral no Estado. Ele disse ainda que esses descontentamentos já ocorrem há alguns anos, porém, se agravou recentemente, motivo que preocupa e exige o alerta para a segurança e integridade física de todos.

Júnior Ferrari ressalta também que em todo o Pará, a insatisfação contra a Celpa é unânime, não havendo discussão alguma pelo desagrado atual, justamente por motivos claros e certos, como, a baixa qualidade dos serviços oferecidos à população paraense, piorando mais ainda o excessivo valor cobrado pela Celpa na conta de luz das casas e estabelecimentos comerciais dos cidadãos.

O deputado reforça que mesmo o Pará sendo um estado 'produtor' de energia, o consumidor local nada ganha com isso, a não serem as mazelas sociais que ficam dos investimentos no setor, além de acharem que a população não é conhecedora e sim sofredora dos impostos altíssimos, em contrapartida a margem de lucro exorbitante da Celpa, acarretando dessa maneira, surpresas negativas todos os meses, nas contas de luz, com sucessivos aumentos nas contas que tem comprometido os orçamentos já reduzidos da maioria das famílias paraenses.

O parlamentar disse ainda que a Alepa tem a obrigação de se somar às reivindicações da população por serem pagadores de impostos e merecerem maior atenção das autoridades competentes.

JK

MÉDICO SANTARENO SE DECEPCIONA COM O BANCO DO BRASIL . "BANCO DO BRASIL, O BANCO DA VIDA DA GENTE? OU O BANCO DA VIDA DE ALGUNS?". VEJA O DESABAFO DO MÉDICO

Uma das agências do Banco do Brasil em Santarém

O Brasil que imaginamos para nós ainda está muito longe de ser conquistado. É terrível o efeito danoso que a burocracia, a falta de profissionalismo, a falta de respeito que algumas instituições tem para com seus clientes. A esperanca é que algo mude nesse próximo quadriênio. 

Ha aproximadamente 1 ano, em conversa com amigos produtores rurais do planalto soube de um financiamento juros mais baixos para atividade de agricultura e pecuária. Empolguei-me pois pecuária e minha segunda paixão. Como já havia adquirido quase tudo que uma fazenda precisa e recuperado uma boa área de pastagem mecanizada em uma área que meu pai me deu e também já tinha uma pequena quantidade de gado e principalmente sou produtor rural, mas não dependo dela por ser médico, lancei-me pra adquirir esse empréstimo e assim tornar minha propriedade auto-suficiente. Vou resumir. Minha peregrinação começou em junho desse ano após apresentar os documentos todos e gastar mais de R$ 15.000,00 com cartórios e mais uma infinidade de outros documentos, tive um limite aprovado em Belém (SIC) de R$ 130.000,00 custeio e R$ 330.000,00 investimento. Uma quantia baixa comparada aos milhões que são liberados para outros projetos e as vezes com riscos maiores. Após essa aprovação meu processo passou para cá. Tive a sorte de contar com o atendimento do experiente, competente e sincero amigo e funcionário do Banco do Brasil, Marcio , que ajudou-me a tirar varias duvidas inclusive do projeto. Resolvi pendencias solicitadas e fiquei no aguardo... aguardo... aguardo... liguei, cobrei... esperei... Nada!!!! Meu irmão mais velho disse "isso não sai para pessoas como nós", e diversas pessoas falaram "pra gente daqui de santarém difícil, abrem as pernas pro pessoal de fora", não dei ouvidos. Sexta-feira 23.11.18 fui até a agência e fui atendido pelo sr. Marcelo Morales que me fez perguntas das mais variadas, inclusive se eu teria como cuidar da propriedade, como se não existisse gerente, funcionários e como se eu já não tivesse a construída só. Falou para ir na agencia 26.11.2018, recebi a noticia por ele, que não iria ter o financiamento pois estava suspenso sem data pra retornar. Soube mais tarde que há dinheiro mas para projetos de alguns privilegiados que já estavam aguardando e o PRONAF. Mas perai, meu limite foi aprovado em julho, dei todas as garantias possíveis. Ai pergunto ao BANCO DO BRASIL e se necessário ao Ministerio Publico; "qual critério aplicado para liberação desses recursos?". Em resumo muita coisa precisa mudar. Penso que se eu que tenho como pagar um empréstimo irrisório desse não consigo, imagine a pessoa que vive só do campo. Imagine a pessoa com pouco conhecimento, ou a que não tem recurso grande pra tanta exigência. Desisti do empréstimo, e como fiz desde o começo vou por conta própria. Mas e quem não tem? Banco do Brasil o banco da vida da gente ou o banco da vida de alguns?

Manuel Alvarenga, médico em Santarém

terça-feira, 27 de novembro de 2018

SERÁ RETALIAÇÃO DO GOVERNADOR PORQUE PERDEU A ELEIÇÃO? OU DA PRÓ-SAÚDE PRA CONTER OS GASTOS E SOBRAR DINHEIRO NO FINAL DO ANO? EM DECISÃO ABSURDA, HOSPITAL REGIONAL DE SANTARÉM SÓ ACEITA OPERAR PACIENTES ENCAMINHADOS POR MÉDICOS DO PRÓPRIO HOSPITAL. FICA A PERGUNTA DO BLOG: E OS PACIENTES DE ALTA COMPLEXIDADE QUE ESTÃO NA FILA DO HOSPITAL MUNICIPAL ESPERANDO POR VAGAS? QUEM VAI OPERÁ-LOS? ALÔ MINISTÉRIO PÚBLICO?

Hospital Regional de Santarém

O blog do JK está apurando uma informação recebida na manhã chuvosa desta terça-feira (27), contra o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, no oeste do Pará, que estaria recusando operar pacientes que não sejam encaminhados por médicos do próprio hospital. O Hospital Regional é uma unidade médica que atende casos de saúde de média e alta complexidade aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Conforme pesquisa feita no próprio site do HBRA, o centro presta serviço 100% da demanda originária da Central de Regulação do município de Santarém. Contudo, de acordo com a informação chegada até o blog esse procedimento não estaria ocorrendo em sua totalidade, já que um documento enviado pela Central Regional de Regulação da 9ª CRS/Sespa, orienta que apenas pacientes encaminhados por servidores do próprio hospital teriam prioridade no atendimento.

O blog do JK teve acesso ao documento, assinado pelo funcionário Rogério Tiago, que esclarece no corpo da mensagem que “desde a implantação do SER na região que sugiram muitas dúvidas do funcionamento e operacionalização do sistema. E com o objetivo de estarmos alinhando algumas situações para evitarmos equívocos no cadastro e por fim prejuízos aos pacientes estarei repassando algumas informações a respeito de situações recorrentes que temos observado. Segue abaixo algumas condutas para o cadastro no SER”.

As informações são para que não sejam cadastrados no sistema de regulação Autorização de Internação Hospitalar (AIH), em que o médico não seja servidor do HRBA. No parágrafo seguinte, a orientação é para não cadastrar pacientes que a AIH foi emitida por outra instituição, mesmo que o médico seja também servidor do Hospital Regional.

O documento reforça também que só se deve cadastrar no SER pacientes com consultas reguladas que foram realizadas no ambulatório do HRBA, pela especialidade correspondente ao procedimento que seja do perfil conforme reunião em julho de 2018.

Outra orientação é para não cadastrar pacientes com solicitação de colecistectomia e hernioplastia, que estejam na faixa de idade maior que 12 anos e menor que 60 anos, estes serão encaminhados a esta regulação somente quando solicitados via planilha para ser realizadas em caráter de mutirão.

A nota pede ainda mais atenção na hora de realizar os cadastros no sistema, pois foram identificados erros em nomes dos pacientes, data de nascimento, endereço e telefone. A edição desses dados é de competência da central estadual em Belém, o que demanda tempo para a correção de dados.

O documento finaliza com uma observação: “essas informações estarão direcionadas ao cadastro de procedimentos cirúrgicos eletivos e mutirão”.

De acordo com o SUS, a regulação é uma ferramenta fundamental para garantir o acesso da população às ações e serviços de saúde. Pode ser entendida como a capacidade de intervir nos processos assistenciais em saúde, sendo a ponte entre a demanda e a prestação direta dos serviços.

A Política Nacional de Regulação, consolidada pela Portaria GM/MS nº 1.559, de 1º de agosto de 2008, define que as ações de regulação estão organizadas em três dimensões de atuação, necessariamente integradas entre si: a regulação dos sistemas de saúde, a regulação da atenção à saúde, e a regulação do acesso à assistência.

No site da Sespa, há orientações para o cidadão sobre o SER. 

Em um dos tópicos, o paciente é orientado sobre como ser atendido.

De acordo com a Sespa, inicialmente, o usuário deve ser atendido em uma unidade básica de saúde (de seu município). Após constatada a necessidade de assistência especializada e de maior complexidade, o pedido será encaminhado para a Central de Regulação de Vagas da Secretaria Municipal de Saúde, que é a responsável pela verificação da disponibilidade e pelo encaminhamento do usuário à unidade que o atenderá.

PASSO A PASSO:

1- Recebe atendimento em uma unidade básica de saúde em seu município de residência ou nas proximidades;

2- Caso haja necessidade, um especialista solicitará encaminhamento via Central Regional de Regulação de acordo com a pactuação estabelecida entre seu município e outra cidade que oferece o atendimento. A vaga solicitada é identificada e sinalizada para central de onde partiu o pedido;

3- O usuário é deslocado para unidade (estadual ou da rede conveniada) com a disponibilidade previamente agendada e que já o aguarda para realizar atendimento.

Importante:

É fundamental que o paciente siga o passo a passo para ter a garantia e um atendimento ágil e eficaz.

O HRBA possui as seguintes especialidades:

Angiologia e Cirurgia Vascular, Anestesiologia, Clínica Médica, Cirurgia Buco-Maxilar, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Torácica, Cirurgia Geral, Cardiologia, Cuidados Intensivos, Endocrinologia, Ginecologia Oncológica, Mastologia, Neurocirurgia, Neonatologia, Ortopedia e Traumatologia, Oncologia Clínica, Oncologia Cirúrgica, Oncologia Hematológica, Oncopediatria, Otorrinolaringologia, Obstetrícia de Alto Risco, Pediatria, Infectologia, Urologia, Patologia Clinica, Oftalmologia, Cirurgia Plástica, Reumatologia, Pneumologia, Cirurgia Cardíaca (ambulatório e implante de marcapassos).

Serviços de diagnóstico e tratamento

Hemodinâmica, Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada, Raios-X, Ultrassonografia, Endoscopia, Colonoscopia, Colposcopia, Mamografia, Eletrocardiograma, Ecocardiograma, Braquiterapia, Quimioterapia, Radioterapia, MAPA, Eletroencefalograma, Teste Ergométrico, Holter, Terapia Renal Substitutiva, Fisioterapia, Doppler, Audiometria, Análises Clínicas, Anatomia Patológica, Densitometria Óssea, Biópsias e punções, Videolaringoscopia, Eletroneuromiografia.

O HRBA é administrado pela Organização Social Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar. Já realizou 4.627 cirurgias, segundo informações do site da Pró-Saúde.

JK

VALDIR MATIAS JR. É O NOME MAIS FORTE PARA GANHAR A PRESIDÊNCIA DA CÂMARA DE SANTARÉM NA ELEIÇÃO DO PRÓXIMO DIA (4). VALDIR ESTÁ NO SEU QUARTO MANDATO. É FORMADO EM ECONOMIA E PÓS-GRADUADO EM AUDITORIA, ALÉM DE PARLAMENTAR, É TAMBÉM AUDITOR FISCAL DO MUNICÍPIO

Vereador Valdir Matias é filiado ao PV

A Câmara de Vereadores de Santarém, no oeste do Pará, se prepara para escolher a nova Mesa Diretora da Casa para o biênio 2019/2020. A eleição para a presidência do Poder Legislativo está marcada para o próximo dia 3 de dezembro. Nos corredores do Palácio Tapajós, os rumores dão conta que cinco nomes estão se articulando para a disputa do cargo. Mas a tendência é que apenas duas chapas concorram. Uma certamente será encabeçada pelo candidato apoiado pelo prefeito Nélio Aguiar. A outra será formada por vereadores independentes, que tem como principal candidato o vereador Valdir Matias Jr. (PV). Valdir exercer o quarto mandato consecutivo e é um dos parlamentares mais experientes e preparados desta atual legislatura. 

Certo é que o futuro presidente terá um grande desafio pela frente: melhorar a imagem e resgatar a credibilidade da Câmara Municipal. Além disso, o próximo gestor também terá que ampliar a transparência com os gastos públicos do Legislativo municipal, bem como ser mais responsável pela parte administrativa da Casa.

O blog do JK ouviu alguns vereadores e tanto quem é da base do governo quanto quem é da oposição, afirmam que o nome do vereador Valdir é sim uma boa opção para a presidência do Poder Legislativo. Além de ser um parlamentar com voz ativa na Câmara, autor de vários projetos de leis, ele acumula experiência como gestor. Já exerceu cargos importantes na administração pública municipal, tendo sido, por exemplo, responsável pelos bons resultados alcançados nos setores do Turismo e Planejamento, quando foi secretário no governo passado.

Valdir Matias Jr. é formado em economia e pós-graduado em auditoria, além de exercer mandato parlamentar, é também auditor fiscal do Município.

JK

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

PM DIVULGA NÚMEROS DA OPERAÇÃO CARAVANA DA SEGURANÇA EM SANTARÉM

Policiais militares e agentes do Detran percorreram vários pontos da cidade. Fotos: Divulgação/PM

O comanda da Polícia Militar em Santarém, no oeste do Pará, divulgou os números da Operação Caravana da Segurança, deflagrada no fim de semana para garantir a ordem e integridade da população, além de combater a criminalidade, sobretudo o tráfico de drogas no município. A ação, que foi comandada pelo major Wilton Chaves, comandante da 2ª Companhia Independente de Missões Especiais (2ª CIME/PM), teve início na noite de sábado (24) e prosseguiu até o domingo (25). Além da presença de policiais militar, a operação contou ainda com o apoio de agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

De acordo com os números divulgados pela PM, a operação resultou na abordagem de 45 pessoas. Foram verificadas as situações de carros e motos, num total de 25 veículos vistoriados.

A Caravana da Segurança percorreu vários bairros da cidade e fez abordagem a alguns estabelecimentos comerciais, sobretudo bares e similares. No domingo, 11 bares foram fiscalizados durante a ação policial. Foram feitas 160 abordagens nestes locais. A operação resultou no fechamento de seis bares que estavam funcionando de forma irregular, ou sem licença ou fora do horário permitido.

Bares em situação irregular foram fechados durante a operação policial. Fotos: Divulgação/PM 

A ação da polícia ocorre por conta das festividades do Círio de Nossa Senhora da Conceição. A PM reforçou a segurança na área central da cidade, principalmente com o policiamento ostensivo nas ruas do comércio, que neste período tem o fluxo mais intenso de pessoas.

O coronel Héldson Tomaso, comandante do Comando de Policiamento Regional 1 (CPR-1), informou que o reforço policial se dará também durante todo o mês de dezembro por conta das festas de Natal e Fim de Ano.

HOMEM SE ENVOLVE EM ACIDENTE E É PRESO APÓS PRF CONSTATAR QUE A MOTO ERA ROUBADA

O suspeito foi conduzido à Seccional de Polícia Civil para os procedimentos cabíveis na forma da lei. Foto: PRF

O cidadão Jonas Serra de Sousa foi preso na tarde de ontem (25) pela Polícia Rodoviária Federal, depois de se envolver em um acidente no KM 985, da rodovia Santarém-Cuiabá. Jonas pilotava uma moto que foi roubada em 2016, conforme constatou o levantamento feito pela PRF. Ele colidiu com uma motocicleta pilotada por Iuriberto Nogueira da Silva. Os policiais rodoviários, após consulta ao sistema da PRF, perceberam que o veículo de placa QDG 6392, não conferia com o chassi da moto conduzida por Jonas. A placa estava vinculada à placa QDQ 2880 com registro de roubo/furto.

A moto foi apreendida e levada para a sede da PRF. Jonas, que ficou com algumas lesões pelo corpo por causa do acidente, recebeu atendimento médico. Depois foi conduzido até sua residência para apanhar os documentos pessoais e também os documentos do veículo.

Ele também foi submetido ao teste de etilômetro.

Questionado pelos policiais se sabia que a moto que ele conduzia era roubada, ele afirmou que comprou o veículo por R$ 3000,00 sem documentos, desconhecendo quem seria o proprietário. O dono da moto foi identificado e localizado em seguida pela polícia. Ele já recebeu o veículo de volta.

Jonas foi enquadrado nos artigos:

Art. 180 - Adquirir, receber, transportar, conduzir ou ocultar, em proveito próprio ou alheio, coisa que sabe ser produto de crime, ou influir para que terceiro, de boa-fé, a adquira, receba ou oculte: (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996)

§ 3º - Adquirir ou receber coisa que, por sua natureza ou pela desproporção entre o valor e o preço, ou pela condição de quem a oferece, deve presumir-se obtida por meio criminoso: (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996)

Pena - detenção, de um mês a um ano, ou multa, ou ambas as penas.

Art. 306. Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência:

Penas - detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Jonas foi levado para a Polícia Civil para a tomada de providências cabíveis.

Blog do JK com informações da PRF

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

SERVIDORA DA PREFEITURA DE MONTE ALEGRE É PRESA EM FLAGRANTE POR EXTORSÃO USANDO NOME DE PROMOTOR DE JUSTIÇA. ANA CAROLINA JÁ TINHA CONSEGUIDO R$ 3 MIL REAIS DA VÍTIMA QUE NÃO AGUENTAVA MAIS SER EXTORQUIDO

Registro do momento em que a vítima 
entrega o dinheiro à servidora



Uma mulher foi presa em flagrante na última quinta-feira (22), no município de Monte Alegre, no oeste do Pará, extorquindo um cidadão e utilizando o nome de um dos membros do Ministério Público na cidade. Trata-se de Ana Carolina dos Santos Rosário, que teve suas ações descobertas em virtude de uma das vítimas ter procurado a Promotoria de Justiça do município para relatar que a mulher cobrava dinheiro dele, "a mando de um promotor de justiça", e alegando que o pagamento seria para evitar que ele fosse preso. Ana Carolina estava se aproveitando da vítima, Emerson Fernando de Moraes Nunes, que é réu numa ação penal que tramita na comarca. 

O flagrante foi feito no momento em que a vítima, Emerson Fernando de Moraes Nunes, entregava o dinheiro à mulher, caracterizando o crime de extorsão, tipificado no artigo 158 do código penal. As extorsões eram feitas mediante aplicativo de mensagens instantâneas, que agora servirão para embasar futura ação penal. 

Segundo informações da Promotoria de Justiça, Ana Carolina é conhecida na cidade, servidora da prefeitura de Monte Alegre, e trabalhou por um tempo como servidora cedida, na delegacia de polícia civil do município. 

A vítima Emerson Nunes depõe na Promotoria de Justiça: "Não aguentava mais ser extorquido"

A vítima relatou ao promotor de Justiça de Monte Alegre que já havia pagado o valor equivalente a R$ 3 mil e, não aguentando mais os constrangimentos que sofria, resolveu relatar o caso. Ainda na sede do Ministério Público de Monte Alegre, foi combinado que a vítima seguiria até o local marcado pela mulher para entregar o dinheiro. O membro do MP, juntamente com o delegado de Polícia Civil, foram até lá e efetuaram a prisão.

Ana Carolina está presa na carceregem da Delegacia de Polícia do município, onde foi instaurado um inquérito por flagrante. Após a conclusão, os autos irão para o MP de Monte Alegre, para oferecimento da denúncia.

Blog do JK com informações do MPE

MOTORISTA CAPOTA CARRO NA SÉRGIO HENN E ENGOLE CARTEIRA DE HABILITAÇÃO NA FRENTE DE POLICIAIS

Avenida Sérgio Henn: motoristas não respeitam sinalização e abusam da alta velocidade na via

O caso inusitado foi registrado na madrugada desta sexta-feira (23), em Santarém, no oeste do Pará. Após se envolver em um capotamento na avenida Sérgio Henn, há poucos metros do cruzamento com a avenida Dr. Anysio Chaves, no bairro Aeroporto Velho, o cidadão Benjamin Nunes e Silva, 24 anos, foi abordado por policiais militares e se recusou a entregar sua carteira de motorista para a verificação da sua situação junto ao Departamento de Trânsito. Visivelmente embriagado, o rapaz rasgou o documento e engoliu os pedaços na frente dos policiais, que ficaram literalmente boquiabertos diante da atitude inusitada do motorista. 

Apesar de se negar a colaborar com a polícia, o motorista foi conduzido à 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil, onde foi autuado pelo crime de embriaguez ao volante. 

O acidente ocorreu na madrugada. De acordo com informações de testemunhas, o motorista seguia no sentido centro/bairro em alta velocidade. Ele perdeu o controle da direção e o veículo capotou várias vezes antes de atingir o muro de uma residência. A violência da batida do veículo contra a proteção da residência assustou moradores e funcionários de um posto de combustível. 

O jovem foi conduzido pelos policiais militar para a delegacia de Polícia Civil e submetido a testes de dosagem alcoólica. Ele foi autuado e a autoridade policial estipulou fiança ao condutor infrator.


Blog do JK

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

CASTANHEIRO ACUSADO DE SUBMETER INDÍGENAS A TRABALHO ESCRAVO EM ÓBIDOS (PA) É CONDENADO A PRISÃO PELA JUSTIÇA FEDERAL

Índios Zo'é foram submetidos a condições semelhantes às de escravos 

O castanheiro Manoel Ferreira de Oliveira foi condenado a três anos, um mês e dez dias de prisão por ter submetido índios da etnia Zo’é a condições semelhantes às de escravo, em Óbidos, no oeste do Pará. A decisão é da Justiça Federal que acatou pedidos do Ministério Público Federal (MPF). A sentença foi divulgada na terça-feira (20).

Os crimes ocorreram em 2010 e 2012, contra indígenas da etnia Zo'é. Segundo o MPF, os índios eram levados por um missionário para a região dos Campos Gerais de Óbidos, próximo à Santarém, onde eram convencidos a coletar castanha em troca de panelas, roupas velhas, redes e outras mercadorias industrializadas.

Em sua sentença, o juiz federal Felipe Gontijo Lopes, reforça que “(...) os indígenas foram cooptados de dentro de suas terras, por conta do pouco conhecimento que tinham das atrações ‘materiais’ do ‘mundo civilizado’, para que, em trabalho que durava de dois a três meses, coletarem grande quantidade de castanhas, sem receberem contraprestação quase nenhuma (somente roupas e utensílios velhos), em condições evidentemente degradantes”. Além da prisão, Manoel Oliveira foi condenado ao pagamento de multa.

O missionário Luiz Carlos Ferreira, que também era réu no caso, foi absolvido por falta de provas.

Doenças e fome – Em três ocasiões, servidores da Fundação Nacional do Índio (Funai) e da Secretaria Especial de Saúde Indígena constataram o emprego dos indígenas como coletores em péssimas condições de trabalho.

“Os indígenas permaneciam acampados em meio ao mato, em barracas de lona e de palha, havendo dentre eles alguns doentes”, relatou a denúncia do MPF, ajuizada em 2015. Segundo relatos, no local faltava comida e os índios estavam visivelmente magros, e alguns deles doentes.

Em fevereiro de 2012, um indígena teve que ser deslocado às pressas para atendimento médico, apresentando quadro de pneumonia grave, registrou a denúncia, assinada pelo procurador da República Camões Boaventura.

“Cumpre destacar que a etnia Zo´é é considerada um povo de recente contato e possui significativas dificuldades de comunicação com a sociedade envolvente. Dinheiro para os índios Zo´é não passa de indubitável abstração, sendo, portanto, algo totalmente alheio à sua cultura peculiar. A vulnerabilidade dessa etnia é fato inafastável”, observou a ação do MPF.

Blog do JK com informações do MPF

EM MENOS DE 24 HORAS, TRÂNSITO EM SANTARÉM REGISTRA TRÊS MORTES

Três mortes registradas no trânsito nas últimas 24 horas

Três mortes no trânsito em menos de 24 horas em Santarém, no oeste do Pará. A primeira tragédia foi registrada na noite de ontem (20), na rodovia Dr. Everaldo Martins, que dá acesso à vila de Alter do Chão. A jovem Mayara Rafaela Bentes de Freitas, de 21 anos, morreu atropelada depois que se jogou de um carro em movimento. Ela teve morte instantânea. Acidente ocorreu no trecho entre a vila São Brás e Cucurunã, na região do Eixo Forte, da PA-357. De acordo com a polícia, a vítima, antes de se atirar do carro, teve uma discussão com o marido, Anderson Nascimento Silva, 27 anos. Eles voltavam de um balneário juntamente com outra pessoa que estava no veículo. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Na tarde desta quarta-feira (21), mais duas mortes trágicas foram registradas em Santarém. Um casal da comunidade de Boa Esperança, na região da Curuá-Una, que estava em uma motocicleta, morreu depois de serem atingidos por uma camionete modelo S-10, com placa de Sinop (MT), no cruzamento da travessa Turiano Meira com a avenida Brasília, no bairro Santíssimo. 

Segundo informações repassadas por testemunhas, o condutor da camionete teria avançado a preferencial e atingido em cheio a moto em que estavam Juscelino Barbosa e Cláudia Regina Marmitt. A camionete seguia pela avenida Brasília e no cruzamento com a Turiano avançou a preferencial colidindo com a motocicleta, causando a morte imediata do piloto. A passageira ficou gravemente ferida e ainda chegou a ser socorrida e levada para o Pronto Socorro Municipal. Ela foi encaminhada para o setor de reanimação com politraumatismo. Apesar dos esforços da equipe médica em salvar a vida da vítima, ela não resistiu aos ferimentos e morreu. 

Wilson Giachini que dirigia a camionete S-10, foi apresentado na 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil para os procedimentos legais. Ele foi submetido ao teste de bafômetro.

JK

terça-feira, 20 de novembro de 2018

MULHER MORRE EM ACIDENTE NA RODOVIA EVERALDO MARTINS NA NOITE DE ONTEM. SEGUNDO AS PRIMEIRAS INVESTIGAÇÕES DA POLÍCIA A VÍTIMA SE JOGOU DO CARRO EM MOVIMENTO E FOI ATROPELADA POR OUTRO CARRO QUE VINHA LOGO ATRÁS

Mayara Rafaela se atirou do carro depois de uma 
discussão com o marido.


Mais um grave acidente foi registrado em Santarém, no oeste do Pará. A vítima, Mayara Rafaela Bentes de Freitas, se jogou de um carro em movimento. Ela foi atropelada por um veículo que vinha logo atrás. O acidente aconteceu na noite desta terça-feira (20), na rodovia estadual Dr. Everaldo Martins, que dá acesso à vila de Alter do Chão. 

Anderson Nascimento Silva, marido da vítima, foi levado para a delegacia para prestar esclarecimentos sobre o acidente que vitimou a esposa. Ele foi ouvido pelo delegado plantonista Herbert Farias Jr.

Nesta manhã, além de Anderson, na 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil, o delegado ouviu também o motorista do carro que atropelou Mayara. Um inquérito foi instaurado para apurar as causas do acidente.

Novas informações a qualquer momento.

Blog do JK

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

POPULAÇÃO DE ÓBIDOS SE REVOLTA COM A PRESENÇA DE FUNCIONÁRIOS DA CELPA

Vídeo mostra consumidores revoltados com funcionários da Celpa, que deixam a cidade sob escolta policial

O clima de insatisfação e revolta contra a concessionária de energia elétrica no Pará, a Celpa, alcança níveis preocupantes. Há alguns dias, teve início nas redes sociais, uma mobilização de consumidores que se queixam dos valores que estão sendo cobrados nas contas de luz e também pela qualidade do serviço prestado pelas empresas terceirizadas. Na semana passada, ocorreram manifestações simultâneas em várias cidades paraenses, mas em tom pacífico. A população foi às ruas cobrar explicações sobre o motivo pelo qual paga uma das tarifas mais caras do país, sendo o Pará, um estado produtor de energia. As manifestações não pararam desde então. 

Na noite desta segunda-feira (19), no município de Óbidos, uma equipe da empresa teve de deixar o hotel onde estava hospedada por causa de uma manifestação popular. Dezenas de pessoas se reuniram em frente ao prédio e gritando ‘fora Celpa!’, intimidaram os funcionários da empresa, que precisaram de escolta policial para deixar o estabelecimento. Além de palavras de ordem, houve também um grande buzinaço. 

De acordo com informações repassadas ao blog do JK, a manifestação foi convocada pelas redes sociais. O convite era para que a população se reunisse em frente ao hotel ‘Caminhos do Coração’, para um protesto pacífico contra os servidores da concessionária. Inicialmente, a notícia era de que os funcionários estariam na cidade para retirar os contadores das residências dos moradores, sem aviso prévio. 

Por meio de nota, a Celpa esclareceu que equipes da concessionária estão realizando visitas técnicas, seguindo procedimentos dentro das Normas Técnicas da Agência Nacional de Energia Elétrica - ANEEL. 

A Celpa reforça que não tem interesse em lesar os seus clientes e que trabalha continuamente para melhorar a qualidade da energia e do atendimento. 

A Distribuidora informa ainda, que está à disposição dos clientes para prestar todos os esclarecimentos. Os representantes da empresa já estão dialogando para realizar uma reunião com as pessoas que participam do movimento e tomar as providências necessárias de acordo com as solicitações que surgirem. 

Não houve registro de nenhuma agressão contra qualquer funcionário da empresa.


Blog do JK

SAMU TERÁ REFORÇO DA PM EM ATENDIMENTO DE OCORRÊNCIAS EM ÁREAS CONSIDERADAS PERIGOSAS. UM ENFERMEIRO FOI AGREDIDO NA MADRUGADA DO ÚLTIMO DOMINGO QUANDO FOI ATENDER A OCORRÊNCIA NA ROTATÓRIA DA AVENIDA FERNANDO GUILHON

Acidente ocorreu durante a madrugada de domingo e deixou três feridos gravemente

A partir de agora, as equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em Santarém, no oeste do Pará, vão contar com o apoio da Polícia Militar para atender ocorrências em áreas consideradas perigosas. A medida foi anunciada na tarde desta segunda-feira (19), após uma reunião envolvendo representantes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), do Samu, do Núcleo Integrado de Operações Policiais (Niop) e Polícia Militar. A agressão sofrida por um enfermeiro durante o atendimento às vítimas do acidente ocorrido na madrugada de domingo (18), no trevo da rodovia estadual Dr. Everaldo Martins com a Fernando Guilhon, que que deixou pelo menos três pessoas gravemente feridas, motivou a reunião de emergência para tratar da segurança dos socorristas em situações como estas, quando populares colocaram em risco a vida dos servidores do Samu e por pouco não comprometeram o socorro médico aos feridos no grave acidente. 

O coronel Héldson Tomaso, comandante do Comando de Policiamento Regional (CPR-I), disse que a PM agora dará todo o apoio às equipes socorristas nos chamados em locais perigosos ou com grande aglomeração de pessoas. O objetivo da medida é salvaguardar a integridade física desses profissionais que estão ali para salvar vidas. 

O enfermeiro Josiel Colares, coordenador do Samu, aprovou a decisão. Ele lembrou que o caso ocorrido na madrugada de domingo não foi o primeiro em que uma equipe é alvo de agressão ou ameaça. “Nossa equipe chegou ao local, e os ânimos estavam bastante exaltados. Estávamos com duas viaturas no plantão, que atendiam uma vítima de infarto e um acidente de trânsito no cruzamento da avenida Moaçara com a rodovia BR-163. As pessoas estavam muito nervosas por causa das condições do acidente, o que é natural. Mas a agressão ao profissional que está ali pra socorrer as vítimas não se justifica”, disse o coordenador do Samu.

Equipes do Samu terão apoio da Polícia Militar a partir de agora 

JK

domingo, 18 de novembro de 2018

APÓS VITÓRIAS, SÃO FRANCISCO E TAPAJÓS CONSEGUEM O ACESSO AO PARAZÃO 2019 E VÃO DECIDIR O TÍTULO DA SEGUNDA DIVISÃO DO CAMPEONATO PARAENSE 2018

São Francisco voltou a elite ao vencer na manhã de hoje a equipe do Pinheirense por 4x3 nos pênaltis


São Francisco e Tapajós vão fazer a final da Segunda Divisão do Campeonato Paraense de Futebol. Os times santarenos se classificaram para a decisão após derrotarem Pinheirense e Paraense nas semifinais. O Boto se garantiu com um empate sem gols no jogo de ontem (17). Como venceu a primeira partida, o resultado assegurou o time de Fran Costa na final. Para o Leão, a missão foi um pouco mais difícil. As duas partidas terminaram empatadas. A primeira ficou 0 a 0 e a segunda, realizada neste domingo (18), no estádio Mangueirão, acabou com o placar de 2 a 2. A decisão foi para os pênaltis e o time azulino se deu bem vencendo por 4 a 3.


Tapajós voltou a elite após empatar em 0x0 com o Paraense na tarde de ontem. Na primeira partida o Tapajós venceu

Tapajós e São Francisco garantiu o acesso à elite do futebol paraense e vão se juntar ao São Raimundo no Parazão do ano que vem. Santarém será o único município com três representantes na competição. 

A primeira partida da decisão entre São Francisco e Tapajós está marcada para o próximo domingo (25).

JK

AGENTE DE TRÂNSITO DO DETRAN TOMA CELULAR DA MÃO DE CONDUTORA, É AGRESSIVO E ABUSA DO PODER DE AUTORIDADE EM SANTARÉM

Agente do DETRAN, José Carlos de Souza, foi arrogante e truculento com a jovem motorista

Na tarde deste sábado (17), durante uma blitz do Detran na Travessa 15 de Agosto, o agente José Carlos de Souza Nascimento, teria tomado o celular da mão de uma condutora e agido com arrogância e truculência, e abusado de sua autoridade, só porque a mulher estava filmando a abordagem, que é de direito dela como cidadã.

A mulher estava irregular, teve o carro removido, em momento algum obstruiu o serviço do órgão, fez apenas alguns questionamentos ao agente em relação a quem seria o responsável por pagar o guincho que fez a remoção. Então ela começou a filmar para ter respaldo em caso futuro, para usar como prova para si mesma, quando o agente puxou o aparelho da mão dela com violência gritou “Bora acabar com essa palhaçada” e disse que iria confiscar o celular da mesma.

Ela tentou pegar o celular de volta e ele a puxou forte pelo braço, abusando mais uma vez do seu poder de autoridade. O agente invadiu a privacidade da moça ao mexer no celular e apagou fotos e vídeos que registravam a ação.

A ação do agente causou constrangimento em via pública. Ter poder de autoridade não dá o direito ao agente de agir com arbitrariedade. Qualquer pessoa, na qualidade de cidadão pode questionar e fiscalizar a legalidade de determinados atos. Desta forma, se evita que o abuso de poder seja excessivo ou tenha desvio de finalidade.

A mulher estava no direito dela de registrar e fiscalizar a ação de um órgão estado. O agente errou! E errou feio em sua atitude ignorante e truculenta.

A jovem pediu ao blog para não ser identificada na postagem.

JK

GRAVE ACIDENTE DEIXA TRÊS PESSOAS FERIDAS NA ÚLTIMA ROTATÓRIA DA AVENIDA FERNANDO GUILHON EM SANTARÉM NA MADRUGADA DESTE DOMINGO. VEJA OS VÍDEOS DO ACIDENTE



Acidente foi registrado por pessoas que passavam pelo local. Mais uma tragédia no trânsito santareno

Um acidente envolvendo quatro veículos deixou pelo menos três pessoas gravemente feridas na madrugada deste domingo (18), no trevo da Fernando Guilhon, estrada que dá acesso ao aeroporto internacional Maestro Wilson Fonseca, em Santarém, no oeste do Pará. As causas do acidente estão sendo investigadas pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT). As vítimas são: Luciane Gisele Guimarães, 23 anos; Vanessa Soares dos Santos, 21 anos; Maycon Gabriel Noronha Costa, 18 anos.

De acordo com informações obtidas pelo blog do JK, o acidente ocorreu por volta das 4h30, quando um veículo que seguia sentido aeroporto/cidade, avançou contra alguns veículos que estavam estacionados no trevo das rodovias Everaldo Martins e Fernando Guilhon. Após a colisão, que resultou na destruição parcial de uma moto e três carros, o condutor do veículo que provocou a tragédia fugiu. Testemunhas disseram que as pessoas se revoltaram e tentaram linchá-lo. 

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local para fazer o resgate das vítimas. Os ânimos estavam bastante exaltados, já que havia muitos jovens revoltados com o acidente. Além disso, muitos deles estavam aparentemente embriagados. Alguns inclusive andavam de um lado para o outro com copos de bebidas nas mãos. 

Um enfermeiro do Samu teria sido agredido por uma pessoa que tentou impedir o serviço dos socorristas. A Polícia Militar foi acionada para o local para tentar impedir novos tumultos. 

As vítimas feridas foram socorridas e levadas para o Pronto Socorro Municipal, onde deram entrada com vários ferimentos. O estado de saúde delas é considerado grave. 

Os nomes dos pacientes não foram divulgados ainda pela assessoria do Hospital. 

A SMT juntamente com a polícia está tentando identificar e localizar o condutor do veículo que provocou essa tragédia. 

Neste trecho, durante as madrugadas, principalmente nos finais de semanas, jovens utilizam o trevo para se reunir, ouvir música e consumirem bebidas alcóolicas. O uso deste espaço público já foi denunciado várias vezes, mas as autoridades locais não encontraram uma solução definitiva para evitar que a rotatória continue sendo usada como ponto de encontro de jovens e arruaceiros. À noite, eles se juntam para fazer festa, fecham a via com motos e carros com som alto, perturbando a ordem pública.

JK

Projeto vai valorizar o turismo de base comunitária e a geração de renda

Turismo de base comunitária garante renda para muitas famílias

No fim de semana, o Centro Regional de Governo por meio do seu Secretário Regional Olavo das Neves fez a entrega do Projeto básico de engenharia do trapiche, rampa de acesso e flutuante de um porto que vai atender a comunidade pesqueira no entorno do Lago Maicá e moradores do bairro do Jaderlandia.

O projeto foi desenvolvido pela equipe técnica da Companhia de Portos e Hidrovia do Pará - CPH sob coordenação do Eng. Demetrius para atender a demanda encaminhada pela Base da Colônia de Pesca Z20 sob Coordenação da Sra. Elielma.

Desde de 2013 a comunidade vem se organizando no sentido de melhorar o acesso do Lago à comunidade que hoje enfrenta muitas dificuldades principalmente no período da seca para transportarem seus pescados, redes, isopores e até mesmos motores rabetas. Também vem sendo trabalhado um projeto de turismo de base comunitária que deverá se beneficiar do Projeto.

As demandas da comunidade tiveram respaldo graças ao empenho da bióloga e professora Rosenildes Guimarães que possibilitou a articulação com o Centro Regional de Governo que após visitas técnicas coordenadas pelo economista Cassiano Ribeiro levaram a entregado projeto.

sexta-feira, 16 de novembro de 2018

PARABÉNS PRESIDENTE BOLSONARO. SELEÇÃO DE MÉDICOS BRASILEIROS PARA SUBSTITUIR OS CUBANOS SERÁ AINDA EM NOVEMBRO, DIZ O MINISTÉRIO DA SAÚDE. GOVERNO BRASILEIRO PRETENDE ABRIR 8.332 VAGAS PARA REPOR PROFISSIONAIS DO PROGRAMA MAIS MÉDICO. O ROMPIMENTO ACONTECEU PELO GOVERNO CUBANO, APÓS O PRESIDENTE BOLSONARO QUESTIONAR O GOVERNO CUBANO DE FICAR COM 70% DO SALÁRIO DOS MÉDICOS. ELE QUERIA PAGAR 100% PARA OS MÉDICOS. BOLSONARO DISSE AINDA QUE QUEM PEDIR ASILO VAI FICAR NO BRASIL TRABALHANDO TRANQUILAMENTE E RECEBENDO SEU SALÁRIO INTEGRALMENTE

Após saída de médicos cubanos, governo brasileiro pretende abrir 8.332 vagas para repor profissionais do programa Mais Médicos

O Ministério da Saúde anunciou que nesta sexta-feira (16), realizará reunião com a Opas (Organização Pan-Americana de Saúde) para a definição da saída dos médicos cubanos do programa Mais Médicos e entrada dos profissionais brasileiros que serão selecionados por edital em primeira chamada ainda no mês de novembro e comparecimento aos municípios imediatamente após a seleção.

Nesta reunião será finalizada a proposta de edital para selecionar profissionais para as 8.332 vagas que serão deixadas pelos médicos cubanos. Na próxima semana devem ser anunciados os detalhes sobre o edital de seleção e chamada para inscrições.

O governo de Cuba anunciou nesta semana o rompimento unilateral da participação no programa Mais Médicos. O motivo para a decisão foram as declarações do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) com críticas ao programa criado na gestão petista.

Após um café da manhã com o comandante da Marinha, Eduardo Bacellar, nesta sexta-feira, Bolsonaro questionou os direitos humanos dos médicos cubanos, que ficariam com 30% do salário. Também afirmou que quem pedir asilo poderá ficar no país.

Repetiu que a situação dos profissionais de saúde cubanos é "praticamente de escravidão" e questionou a qualidade dos serviços prestados.

"Nunca vi uma autoridade no Brasil dizer que foi atendido por um médico cubano. Será que devemos destinar aos mais pobres profissionais, entre aspas, sem qualquer garantia de que eles sejam realmente razoáveis, no mínimo? Isso é injusto, é desumano", disse Bolsonaro.

O presidente eleito defendeu o exame presencial de validação do diploma dos médicos incluídos no programa. "O que temos ouvido, em muitos relatos, são verdadeiras barbaridades. Não queremos isso para ninguém no Brasil, muito menos para os mais pobres. Queremos o salário integral (dos médicos cubanos) e o direito (deles) de trazer a família para cá. Isso é pedir muito? Isso está em nossas leis, que estão sendo desrespeitadas", resumiu Bolsonaro antes de encerrar a entrevista, que durou menos de cinco minutos.

Ainda durante a entrevista, Bolsonaro também afirmou que os cubanos que pedirem asilo político para ficar no Brasil serão acolhidos. 

"Há quatro anos e pouco, quando foi discutida a Medida Provisória (que criou o Mais Médicos), o governo da senhora Dilma (Rousseff) disse, em alto e bom som, que qualquer cubano que, por ventura, pedisse asilo, seria deportado. Se eu for presidente, o cubano que pedir asilo aqui, (que) se justifica pela ditadura da ilha, terá o asilo concedido da minha parte", afirmou.

Pelo menos 150 médicos cubanos desertores do programa federal lutam na Justiça para poder clinicar no Brasil de forma independente, fora do acordo entre Brasil e Cuba, ganhando salário integral.

Fonte: R7

SANTARENO FICA GRAVEMENTE FERIDO EM EXPLOSÃO DE LANCHA NA TARDE DE ONTEM EM MACAPÁ (AP)

Família está tentando transferir o jovem pra Belém

Uma embarcação, com capacidade para 50 passageiros, explodiu na tarde de quinta-feira (15), no porto do Igarapé da Fortaleza, em Santana, a 17 quilômetros de Macapá (AP). Uma pessoa morreu carbonizada e duas ficaram gravemente feridas. A explosão ocorreu por volta das 15h30, quando era realizado um serviço de soldagem na embarcação. José Everaldo Ferreira dos Santos, 32 anos, que operava a máquina de solda, morreu durante a explosão. Entre os feridos está o santareno Erick Bruno Almeida de Souza, 32 anos. Além dele, Thênife de Sousa Lopes, 20 anos, também ficou gravemente ferido. Ambos foram socorridos pelas equipes de resgate do Samu e Corpo de Bombeiros. As vítimas da explosão tiveram mais de 90% dos corpos queimados. Eles estão internados Centro de Tratamento de Queimados do Hospital de Macapá. Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.

Diego Albuquerque, capitão do Corpo de Bombeiros de Macapá, explicou que a explosão foi causada por uma fagulha na hora do serviço de soldagem feita pela vítima. 

A equipe dos Bombeiros chegou, mas a embarcação já estava sendo consumida pelas chamas. 

De acordo com informações repassadas pelo tenente Adalto Matos, do Batalhão Ambiental, os três trabalhadores que estavam na popa, no momento da explosão, realizavam serviço de soldagem no tanque de combustível da lancha, quando ocorreu a explosão.

Em Santarém, familiares de Erick Bruno buscam notícias dele por meio da imprensa. A família está dando total apoio para tentar levá-lo de Macapá para Belém. Já há uma equipe médica aguardando pela possível transferência da vítima para a capital paraense. 

O tio de Erick, o árbitro de futebol Laurimar Baía Diniz, informou ao blog do JK que a família recebeu com tristeza a notícia do acidente. “A situação dele é muito grave. Teve perda total da pele do corpo e as queimaduras afetaram muitos órgãos vitais. Estamos orando pela saúde dele”, disse.

Erick Bruno é natural de Santarém. Os avós são da comunidade Conceição do Ituqui. Nas redes sociais, manifestação de apoio pela recuperação do santareno.

JK

DECISÃO POLÊMICA: POR ORDEM DA JUSTIÇA, O JOVEM EDCARLOS MENDES RAIOL, CONHECIDO SOCIALMENTE POR "BRENDA", QUE SE DECLARA HOMOSSEXUAL E TRAVESTI É TRANSFERIDO DO PRESÍDIO MASCULINO PARA A CASA PENAL FEMININA EM SANTARÉM. EDY CARLOS, QUE DESEJA SER CHAMADO DE BRENDA, ESTAVA NUMA CELA COM MAIS 21 PRESOS

Decisão foi tomada pela juíza Rafaella Moreira Lima Kurashima, da Vara de Execuções Penais de Santarém.


Condenada pelos crimes de roubos praticados em Monte Dourado, Edcarlos Mendes Raiol, que se declara homossexual e travesti, deve ser transferida para o Centro de Recuperação Feminina (CRF), do Centro de Recuperação Agrícola ‘Silvio Hall de Moura’, em Cucurunã, no município de Santarém, no oeste do Pará. A decisão é inédita na comarca do município e foi tomada pela juíza da Vara de Execuções Penais (VEP) de Santarém, Rafaella Moreira Lima Kurashima.

O réu, conhecido socialmente como ‘Brenda’, cumpre pena de oito anos e estava encarcerado numa cela com mais 21 presos na penitenciária agrícola. ‘Brenda’ é condenada por dois crimes de roubo praticados em Monte Dourado, que está sob a jurisdição da Comarca de Almeirim, oeste do Pará. As duas condenações devem cumpridos em regime inicial semi-aberto. A transferência de ‘Brenda’ foi possível, considerando que o CRF foi inaugurado neste ano.

A determinação da magistrada se deu durante visita carcerária, quando Edcarlos conversou com a juíza e confirmou sua identidade de gênero informando que deseja ser chamado pelo nome social Brenda, que se compreende como pessoa do gênero feminino e deseja cumprir sua reprimenda corporal em estabelecimento prisional feminino, tudo corroborado pela forma em que se apresenta (roupas femininas, cabelos longos e aparência feminina).

A decisão da magistrada está embasada na Resolução Conjunta nº 01/2014, do Conselho Nacional de Combate à Discriminação, que em seu artigo 3º dispõe sobre os parâmetros de acolhimento de pessoas LGBT em privação de liberdade no Brasil, e que determina que às “pessoas travestis privadas de liberdade em unidades prisionais masculinas, considerando a sua segurança e especial vulnerabilidade, deverão ser oferecidos espaços de vivência específicos, condicionado a sua expressa manifestação de vontade”.

JK com informações do TJE/PA